BOLETIM
VACINAS
E NOVAS TECNOLOGIAS DE PREVENÇÃO - Nº 32
PUBLICAÇÃO DO GIV - GRUPO DE INCENTIVO À VIDA - Fevereiro de 2019
Edição mais recente
Boletim Vacinas e Novas Tecnologias de Prevenção Anti-HIV/AIDS - GIV

Versão Completa

Clique para abrir o
Boletim Vacinas em PDF.

Abrir

I = I
Direito à informação
DECLARAÇÃO I=I E O DIREITO À INFORMAÇÃO

Com os adventos do tratamento como prevenção (TcP) e da Declaração I=I, ressurge uma velha questão no ambiente da AIDS. É a resistência a informar sobre estas novidades. Tanto por parte de profissionais de saúde como de membros do movimento de AIDS.

Muitos profissionais resistem em informar seus pacientes com HIV/AIDS sobre estas novidades. Agora, é bom deixar claro que informar não necessariamente significa compartilhar. Mas, o ato de informar, explicando que vários cientistas de renome internacional como instituições de saúde nacionais e internacionais apoiam esta Declaração, é uma demonstração de respeito pela autonomia e singularidade do outro.

Assim o Informe Belmont (EUA, 1979) explicita que:

  • Respeito pela pessoa: as pessoas devem ser tratadas como agentes autônomos;
  • Um indivíduo autônomo é uma pessoa capaz de decidir sobre objetivos pessoais e de agir conforme essa decisão;
  • Respeitar a autonomia é dar peso às opiniões e escolhas da pessoa e se abster de obstruir suas ações.
  • Desrespeitar um agente autônomo é desprezar suas opiniões... Ou reter informação necessária para que possa tomar uma decisão... (negrito nosso)

Portanto, mesmo não endossando a informação, respeitar o direito à informação dos pacientes é fundamental.

Por último, lembremos da Declaração de Direitos da PVHA (1990) que no seu artigo I diz:

I - Todas as pessoas têm direito à informação clara, exata, sobre a AIDS. Os portadores do vírus têm direitos a informações específicas sobre sua condição.

Resistência à Ciência e Estigma

  • Assistimos à resistência à PEP sexual em 2010;
  • Também para a PrEP (aqui e no mundo);
  • O exemplo recente do artigo de abril de 2018 de um semanário de grande circulação no Brasil nos lembra do início da AIDS, quando a vida sexual dos gays foi escarafunchada e IDEALIZADA por vários veículos de comunicação.

Ou seja a discriminação sobre a sexualidade de algumas populações está tão presente como nos anos 1980!

Leia também
Edições anteriores
Boletim Vacinas e Novas Tecnologias de Prevenção Anti-HIV/AIDS - GIV

Edição 31
AGOSTO DE 2017

Clique para abrir o
Boletim Vacinas em PDF.

Abrir

Boletim Vacinas e Novas Tecnologias de Prevenção Anti-HIV/AIDS - GIV

Edição 30
DEZEMBRO DE 2016

Clique para abrir o
Boletim Vacinas em PDF.

Abrir

Boletim Vacinas e Novas Tecnologias de Prevenção Anti-HIV/AIDS - GIV

Edição 29
NOVEMBRO DE 2014

Clique para abrir o
Boletim Vacinas em PDF.

Abrir

Boletim Vacinas e Novas Tecnologias de Prevenção Anti-HIV/AIDS - GIV

Edição 28
SETEMBRO DE 2013

Clique para abrir o
Boletim Vacinas em PDF.

Abrir

Boletim Vacinas e Novas Tecnologias de Prevenção Anti-HIV/AIDS - GIV

Edição 27
SETEMBRO DE 2012

Clique para abrir o
Boletim Vacinas em PDF.

Abrir